Autorizado concurso para Senado Federal !

O Senado Federal publicou no Diário Oficial da União desta quinta-feira (3/10), autorização para um novo concurso público.

Segundo a autorização é imperativa a necessidade de preenchimento de cargos vagos do Senado tendo em vista a perspectiva de redução no quadro de servidores ativos pela aquisição do direito de requerer aposentadoria. Ultimo balanço do Senado Federal indica que existem 1086 cargos vagos na Casa. São 591 técnicos legislativos, 3 advogados, 456 de analistas legislativos e 36 consultores legislativos. O quantitativo de desocupados representa mais de 30% do quadro de pessoal da Casa, que é composto por 3501 servidores. O último certame ocorreu em 2012 e ofereceu chances para técnico, consultor e analista. Foram 246 oportunidades de níveis médio e superior. A concorrência geral foi de 642 candidatos por vaga. O posto que registrou o maior número de cadastros foi o de analista legislativo, com mais de 63 mil concorrentes.

Concurso TCDF 2020

TCDF autoriza o certame nesta quinta-feira (26/09/2019), Faltando apenas a seleção da banca organizadora.

Para o concurso serão providos 12 cargos na corte: um de procurador do Ministério Público junto ao TCDF; um de auditor(conselheiro-substituto) e 10 de auditores de controle externo.

Remuneração pode chegar a R$ 33 mil, no caso de procurador e do conselheiro substituto.Das outras carreiras pode chegar a R$ 16.

expectativa que os editais sejam lançados ainda este ano, porém as provas devem correr somente ano que vem.

 

IBGE lança edital com 2,6 mil vagas para nível médio

Vagas são para Coordenador e Agente Censitário, o edital prevê 2.658 Vagas temporárias para Coordenador Censitário de Subárea e Agente Censitário Operacional.

Inscrições Podem ser feitas a partir de hoje ( 25/09 ) até o dia 15/10.

Cargo Vagas Taxa de inscrição
Coordenador Censitário de Subárea (CCS) 1.343 R$ 58,00
Agente Censitário Operacional (ACO) 1.315 R$ 42,50

Coordenador Censitário Subárea (CCS):

  • Conhecimentos Básicos:
    • Língua Portuguesa – 15 questões
    • Raciocínio Lógico Quantitativo – 10 questões
    • Ética no Serviço Público – 5 questões
  • Conhecimentos Específicos:
    • Noções de Administração e Situações Gerenciais – 30 questões

Agente Censitário Operacional (ACO):

  • Conhecimentos Básicos:
    • Língua Portuguesa – 15 questões
    • Raciocínio Lógico Quantitativo – 10 questões
    • Ética no Serviço Público – 5 questões
  • Conhecimentos Específicos:
    • Noções de Administração – 15 questões
    • Noções de Informática – 15 questões

 

Veja o Edital: IBGE CONCURSO

 

Veja dicas de como praticar a redação até o dia do Enem

passo a passo do que o aluno precisa fazer para treinar a escrita.

Dia da prova do ENEM ( Exame Nacional do Ensino Médio ) está chegando, a maior preocupação dos alunos deve ser com a redação, antes de começar a redação em si, é preciso conhecer os critérios que são levados em consideração na hora da correção. No Enem , a redação é corrigida considerando 5 critérios fundamentais, são chamados de “5 competências”.

Competência N° 1: Demonstra domínio da norma culta da língua portuguesa.

Nessa competência é avaliado os aspectos básicos da língua portuguesa, como a maneira correta de escrever as palavras, o emprego correto das expressões, etc. O candidato recebe uma avaliação que do conhecimento das regras básicas do português. É de suma importância que o aluno saiba a diferença entre linguagem oral e escrita para se sair bem nessa avaliação.

Competência N° 2: Compreender a proposta da redação e aplicar conceitos das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.

Essa competência avalia a compreensão da proposta da redação, ela verifica se o candidato consegui ser fiel ao tema. Ser fiel ao tema significa escrever sobre o assunto proposto sem perder o foco. Mas como assim? Iremos explicar, se o texto é sobre a hidrografia do Distrito Federal, o assunto centro da redação não poderá ser outro se não a hidrografia do Distrito Federal. Muitos candidatos fogem do tema acabam falando mais sobre outros aspectos relacionados ao tema do que o tema em si. Por isso a capacidade de ser fiel ao tema é essencial para redigir uma boa redação.

Outro parâmetro abordado por essa competência é a argumentação utilizada. Um texto dissertativo argumentativo utiliza a argumentação como base para defender uma ideia, você precisa convencer o leitor por meio da comparação, conceitos, exemplos, etc., para mostrar que você tem conhecimento para discorrer sobre o tema e apresentar uma conclusão coerente e fundamentada.

Competência N° 3: Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.

Esse critério avalia de uma forma geral a organização do seu texto e a utilização correta da conjunções (mas, porém, pois, porque, etc.), que são os termos responsáveis por conectar frases e uni-las de forma coerente. A maneira como você organiza as ideias é fundamental para a interpretação correta do texto. Toda a escrita precisa refletir corretamente o que pensamos, traduzindo nossos pensamentos de forma que o leitor consiga facilmente compreender nosso ponto de vista.

Competência N° 4: Demonstrar conhecimento do mecanismo linguístico necessário para a construção da argumentação.

Essa competência está relacionada a anterior, mas nesse caso o ponto avaliado é a sequência de ideias: a relação entre as frases e os parágrafos. É preciso saber o momento certo de ser terminar um parágrafo e de se começar outro, bem como terminar uma frase e começar outra. Cada frase precisa estar inserida corretamente no contexto do seu respectivo parágrafo, para que não prejudique a lógica do texto e a linha de pensamento.

Competência N° 5: elaborar proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.

Essa competência já deixa claro a importância de se considerar e valorizar as diferenças culturais e sociais. Você não deve se restringir a um só cultura ou sociedade manifestando particularidade que induza ao preconceito, à segregação ou ao menosprezo. Ao fazer a redação considere a diversidade cultural e sócia.

Os corretores de Enem esperam que a conclusão traga uma solução para o problema que foi exposto na sua proposta do tema. É preciso ser coerente com o que já foi mencionado ao longo do texto. É preciso, ao longo da redação, direcionar o leitor para uma linha lógica que se conclua na resolução do tema, deixando claro sua posição sobre o assunto.

Cada uma das competências recebe uma nota que varia de zero a 200. Depois, os avaliadores somam as notas de todas a competências, atribuindo um valor final para a redação, que pode variar entre zero e 1000. Apesar de não ser difícil gabaritar a redação do Enem, poucos candidatos conseguem esse feito, pois não conhecem os critérios cobrados ou não sabem como atender a cada requisito.

Descubra como se destacar

Em média, as competências de 1 a 4 costumam ter notas entre 100 e 120 (ou seja, algo entre 50-60% da pontuação máxima), e a competência 5 costuma tirar notas em torno de 33% da pontuação máxima. Considerando que a avaliação do Enem não é muito criteriosa, é possível se destacar bastante da média se você sabe o caminho certo a seguir.

fonte:http://comofazerumaboaredacao.com/dicas-de-como-fazer-uma-redacao-para-o-enem/

Seja bem-vindo!

É com enorme satisfação que inicio a gestão do Novo Impacto Taguatinga. Há apenas 1 mês resolvi aliar meu trabalho dentro da função pública a de empresário e gestor. Aceitei o desafio de erguer o nome Impacto na cidade de Taguatinga – DF. Como você já deve saber, todo início requer ajustes, consertos, reformas, enfim, uma reestruturação. E é isto que estamos fazendo.

Assumi uma estrutura debilitada, com altos índices de insatisfação por parte dos alunos, da equipe e dos fornecedores. Realmente, precisei encarar uma batalha, pois acredito no sonho que cada aluno carrega. Acredito também que se trabalharmos com afinco, dedicação e honestidade, não haverá barreiras capazes de nos parar.

Termino esta pequena nota, convocando você que teve uma experiência ruim com a marca Impacto Concursos, a se dirigir até nossa unidade, no centro de Taguatinga. Pois quero ouvir você!

Francion Santos

Servidor Público Concursado, professor de direito Constitucional e Legislação Específica para Tribunais e novo gestor do Novo Impacto Taguatinga